a melhor forma de economizar ao juntar créditos

Crédito Consolidado Online

À procura de reduzir as suas prestações mensais?

Descubra como pode poupar até 60% nas suas mensalidades com a consolidação de créditos. Transforme todos os seus financiamentos num só e comece a poupar!

POUPE NA PRESTAÇÃO

MENSAL ATÉ -60%

Crédito Consolidado

TRANSFORME VÁRIOS

CRÉDITOS NUM SÓ!

Que Créditos Pode Consolidar?

Simplifique: Consolidação de Créditos Num Só!

O Crédito Consolidado surge como uma solução para simplificar a sua vida financeira, já que possibilita juntar todos os seus créditos num só, o que irá resultar numa prestação mensal única de valor mais baixo, sendo por norma o seu prazo de pagamento mais alargado.

A consolidação de créditos irá simplificar a organização das suas finanças pessoais e, poderá dar-lhe a possibilidade de melhorar a sua saúde económica.

Ao consolidar os seus créditos, estará a transformar um conjunto de dívidas distintas numa única prestação, mais baixa em até 60%.

Como irá juntar créditos junto de uma instituição financeira apenas, ficará com a responsabilidade de reembolsar apenas a esta entidade.

Esta modalidade de crédito permite efetivamente garantir-lhe uma poupança mensal bastante significativa, mas é necessário conhecer esta solução de forma mais aprofundada. Vamos a isso?

Como Conseguir a Aprovação do Crédito Consolidado?

Perfil Financeiro Saudável

Será fundamental mostrar às entidades financeiras de que possui rendimentos estáveis e um bom histórico financeiro, garantindo assim todas as condições para conseguir liquidar o seu crédito pessoal sem problemas!

Taxa de Esforço Reduzida

Para facilitar a aprovação do seu pedido junto de qualquer financeira, garanta que a sua taxa de esforço atual permite a adicionar um novo encargo. No caso de ter uma taxa de esforço mais elevada, poderá tentar reduzir o montante do pedido.

Sem Atrasos ou Incumprimentos

Não ter pagamentos em atraso e créditos em incumprimento é essencial para mostrar uma maior credibilidade e aumentar as suas probabilidades de obter uma aprovação mais atempada do seu pedido de crédito pessoal online.

Quais as Vantagens do Crédito Consolidado?

Através de um Crédito Consolidado poderá usufruir de várias vantagens interessantes e que o irão ajudar a garantir uma maior folga mensal!

Uma das principais vantagens é efetivamente a poupança mensal que irá conseguir obter, já que ao juntar vários créditos irá conseguir alcançar uma redução substancial nas suas prestações, que pode chegar aos -60%, o que irá garantir-lhe uma maior liquidez ao fim de cada mês.

A consolidação de créditos irá dar-lhe a possibilidade de obter taxas de juro mais baixas em comparação com as praticadas em créditos pessoais.

Durante a análise de crédito, deverá verificar se taxas aplicadas são mais reduzidas, já que será algo que irá impactar o MTIC do seu crédito.

Um crédito consolidado permite-lhe organizar da melhor forma possível os seus pagamentos mensais.

Como irá consolidar múltiplos créditos num só, irá pagar apenas uma prestação, o que lhe irá permitir ter um melhor controlo sobre as suas finanças, garantindo uma visão mais clara sobre o fluxo mensal do seu dinheiro.

A redução mensal significativa que irá obter numa consolidação de créditos irá resultar numa taxa de esforço também ela mais reduzida.

Esta redução é especialmente importante para quem procura consolidar e pretende pedir liquidez adicional, ou seja, pedir um crédito adicional dentro do consolidado, aproveitando as taxas mais competitivas.

Quais as Vantagens do Crédito Consolidado
O Que é Um Crédito Consolidado

O Que é Um Crédito Consolidado?

Um crédito consolidado é uma solução financeira que permite juntar vários financiamentos que possa ter, como um empréstimo pessoal, um crédito habitação, automóvel ou até cartões de crédito, tornando-os num único crédito, com uma prestação apenas.

A consolidação de créditos irá permitir-lhe como vimos, obter uma melhor gestão mensal do seu orçamento, pela sua simplicidade e pelo nível de poupança a que terá acesso, já que é muito comum reduzir a sua taxa de juro global dos seus empréstimos atuais.

Crédito Consolidado: O Que Pode Juntar?

Através de um crédito consolidado, poderá consolidar todos os seus créditos pessoais, independentemente da sua finalidade.

Por exemplo, caso tenha contratado no passado um crédito formação e, mais recentemente, um crédito para obras, podera consolidar ambos os financiamentos num só.

Os créditos auto e de mota, também podem ser consolidados facilmente com outros créditos pessoais, ou créditos hipotecários.

Os cartões de crédito são, possivelmente, os produtos financeiros onde existe uma vantagem clara de efetuar uma consolidação de créditos.

Por terem uma taxa de juro associada muito elevada, comparativamente a um crédito pessoal mais tradicional, é possível poupar consideravelmente ao consolidar as suas dívidas com cartões de crédito.

Como vimos, é possível consolidar créditos das mais variadas finalidades e, o crédito habitação não é uma exceção!

Com um crédito consolidado com hipoteca, poderá juntar os seus créditos ao consumo, junto do empréstimo da sua casa.

Uma vez que estará a dar uma garantia à entidade financeira, de um valor superior ao da dívida, conseguirá contratar condições extremamente competitivas, garantindo assim uma poupança que poderá ascender aos -60% das suas prestações atuais.

Cartão de Crédito

Consolidar Créditos Com Habitação: É Possível?

Sim, pode consolidar o seu crédito habitação com outros empréstimos que possua atualmente, como créditos pessoais, créditos automóvel entre outras variantes. Esta finalidade é conhecido como crédito consolidado com hipoteca.

Para avançar com um pedido destes, é fundamental que não tenha quaisquer prestações em atraso e, será necessário dar como garantia a hipoteca do seu imóvel.

Para consolidações de créditos de montantes elevados, a hipoteca terá de apresentar um valor superior ao total da dívida, apresentando assim aos olhos das entidades financeiras, uma garantia valiosa para que consiga negociar condições mais competitivas.

Para conseguir ter uma ideia mais clara do que pode poupar mensalmente, aconselhamos a que utilize um simulador de crédito consolidado junto da sua entidade financeira preferida.

Assim, terá uma perspetiva detalhada dos novos prazos de pagamento, taxas de juro aplicadas e qual montante que poderá poupar mensalmente.

Consolidação de Créditos Com Habitação

Processo do Crédito Consolidado

Inicie o processo ao fazer uma simulação de crédito consolidado para ter uma estimativa das novas condições, como taxas de juro e valor da prestação mensal.

Prepare os documentos essenciais: comprovativos de rendimentos, lista dos créditos atuais e cópias de identificação pessoal.

Os documentos solicitados podem variar conforme as entidades, porém, estas são as mais recorrentes:

  • Cópia do Cartão de Cidadão;
  • Mapa de Responsabilidades de Crédito do Banco de Portugal;
  • Cópia dos 3 Últimos Recibos de Vencimento;
  • Cópia da Última Declaração de IRS;
  • Comprovativo de IBAN;
  • Comprovativo de Morada Fiscal;
  • Declarações/Extratos com o Valor em Dívida Atual.

 

Preencha e submeta o formulário de pedido junto da sua instituição financeira ou intermediário de crédito, juntamente com os documentos anteriormente mencionados.

O seu processo será analisado e, se for o caso, aprovado. Nesta fase, é avaliado todo o seu histórico de crédito e capacidade financeira.

Ao utilizar um intermediário de crédito confiável, irá garantir que a proposta de crédito que lhe é apresentada será a mais competitiva.

No entanto, cabe-lhe a si decidir escolher qual a proposta de crédito que pretende aceitar.

Uma vez aprovado, será redigido um contrato de crédito consolidado. Reveja todos os termos antes de assinar.

Por serem processos mais complexos e, inevitavelmente mais morosos, as modalidades de crédito habitação e crédito consolidado possuem um prazo de aprovação mais alargado, que irá sempre depender de várias variantes.

Após a assinatura, o novo credor pagará os créditos anteriores. Passará a ter apenas um reembolso mensal, geralmente de valor inferior ao total das várias dívidas anteriores.

Ao seguir estes passos, poderá simplificar o seu orçamento mensal e reduzir o custo total dos seus créditos.

Processo do Crédito Consolidado
É Possível Poupar ao Juntar Créditos

É Possível Poupar ao Juntar Créditos?

Sim, é possível economizar com um crédito consolidado, combinando diversos créditos existentes num só com uma taxa de juro geralmente mais atrativa. Esta abordagem pode resultar numa prestação mais baixa todos os meses.

Se a soma dos seus encargos com créditos for de 1185€, após consolidar, poderá conseguir, dependendo dos créditos que tenha contraído, uma poupança de até 60%, ou seja, um novo encargo mensal de 474€.

Anualmente poderia, neste cenário, poupar um valor superior a 8.500€!

No entanto, lembre-se de que ao alongar o prazo de pagamento do crédito consolidado, apesar de reduzir de forma significativa a sua mensalidade, poderá aumentar o montante total de juros a pagar.

Numa situação em que possui maioritariamente cartões de crédito, é possível que consiga poupar tanto mensalmente, como no final do empréstimo, já que as taxas praticadas neste tipo de produtos são bastante elevadas.

É Seguro Pedir Um Crédito Consolidado Online?

Antes de avançar com um pedido de crédito consolidado, considere todos os aspetos referentes à segurança e proteção ao crédito. 

Proteção ao Consumidor: Garanta que o banco, entidade financeira ou intermediário de crédito escolhido se encontra devidamente regulado e autorizado pelo Banco de Portugal.

Os intermediários de crédito vinculados e autorizados oferecem sempre uma maior segurança, pois são obrigados a seguir normas rígidas.

Termos e Condições: Leia sempre os termos e condições de forma atenta e detalhada. Verifique especialmente as cláusulas sobre o incumprimento e as opções de renegociação de créditos, caso surjam imprevistos financeiros no futuro.

Endividamento Excessivo: Fique atento aos possíveis sinais de sobre-endividamento. A consolidação de créditos deve ajudar a reduzir esse risco, e não aumentá-lo. Avalie a sua capacidade de pagamento antes de assinar qualquer contrato e avalie se a redução das prestações mensais irá compensar a longo prazo.

Consolidação de Créditos Com Habitação
Que Bancos Permitem Consolidar Créditos

Que Bancos Permitem Consolidar Créditos?

Dúvidas Sobre Crédito Consolidado?
Temos a Resposta Que Procura!

O mundo da consolidação de créditos pode criar várias dúvidas, mas o nosso objetivo é garantir que nada fica por esclarecer.

Ao optar por esta solução, irá combinar várias dívidas num contrato único, o que pode aliviar o peso das prestações mensais até 60%, com a vantagem de ter prazos mais longos para ajustar a sua saúde financeira.

Desta forma, terá uma melhor perceção de qual o montante ideal que pode financiar, tendo em conta o peso que a prestação terá no rendimento do seu agregado familiar.

Com a consolidação de créditos, pode juntar cartões de crédito, o seu empréstimo automóvel e créditos pessoais que tenha contratado no passado, num único financiamento.

Se quiser, ainda pode incluir o seu crédito habitação.

Apenas os créditos comerciais e empresariais não podem ser consolidados.

Ao reduzir os encargos mensais até 60%, a consolidação de créditos permite ganhar uma folga significativa no seu orçamento mensal.

Com juros geralmente mais baixos do que os dos cartões de crédito ou créditos pessoais, o valor total a pagar às entidades também pode diminuir, deixando mais dinheiro no seu bolso para outras prioridades.

Para conseguir uma consolidação de créditos, é necessário:

  • Ter mais de 18 anos e menos de 80 anos quando o contrato terminar.
  • O montante mínimo das dívidas deve ser de 2.500 euros, e é necessário ter uma conta bancária no seu nome.
  • Seja cidadão português ou estrangeiro com residência permanente, onde a sua morada fiscal deve situar-se em Portugal.
  • Encontrar-se numa situação profissional estável, preferencialmente com um contrato sem termo, ou seja, em regime de efetividade.
  • Não tenha incumprimentos ou registo de incidentes no Mapa de Responsabilidades de Crédito, pois isso seria como navegar com o barco danificado.
  • Manter um bom histórico financeiro.